Vamos

domingo, maio 31, 2009

Chamem-lhe Toino !


"Como é que viu esta pequena polémica sobre o pseudo imposto europeu?

Estupefacto, para lhe dizer a verdade. Primeiro, com a sensação do déjà-vu. Portugal está a tornar-se cada vez mais um País freudiano. Porque as pessoas já não se lembram, mas o imposto europeu foi introduzido numa campanha eleitoral para o PE em 1999, por Mário Soares! Façamos apelo à memória! E aí foi discutido!

Soares depois recuou, naquilo que dizia sobre o imposto europeu.

Mas aí foi discutido! Foi muito interessante essa discussão de 99, porque Pacheco Pereira, que era na altura o cabeça-de-lista do PSD, não respondeu à proposta de Mário Soares como respondem agora, dizendo que Vital Moreira fala no imposto europeu porque existe o projecto escondido e perverso de aumentar os impostos em Portugal. Por amor de Deus, isso é ridículo! Esse argumento desqualifica quem o dá! Na altura, Pacheco Pereira argumentou contra o imposto europeu em nome das questões europeias e em nome dos interesses nacionais no contexto europeu - é esse o debate que vale a pena fazer! Interessa a Portugal, que é um País beneficiário dos fundos estruturais, haver ou não haver um imposto europeu? E que imposto europeu? Porque há muitas maneiras de falar do imposto europeu - Vital Moreira falou de uma questão muito específica e própria, que é um imposto sobre transacções financeiras, no fundo, uma espécie de adaptação da 'taxa Tobin' ao espaço europeu. Quando estive na Comissão, mandámos fazer um estudo sobre essa matéria e chegámos à conclusão de que, além de o próprio Tobin, antes de morrer, ter explicado que as interpretações que se faziam da taxa não eram legítimas, chegámos à conclusão de que uma taxa Tobin no espaço europeu teria grandes limitações de aplicação prática se não fosse aplicada à escala global."

In DN

Dá para ver o que estes cavalheiros andaram a "negociar" desde que entramos para esta des-união!
Contem às pessoas que está na hora de pagar aquilo que nos foi dado em troca da nossa soberania!

6 comentários:

Nocturna disse...

"Toinos", são os portugueses ,se votarem desta gentinha.
Está na hora de lutar por uma União Europeia, que não seja uma União Europeia dos Negócios e do Grande Capital.Precisamos de uma União Europeia que defenda os valores humanos. Mas isso não se consegue votando nestes rapazes que só pensam no futuro deles próprios e em dobrar à espinha às normas mais desumanas, onde os trabalhadores não constam das preocupações deles.
Um abraço
Nocturna

Pata Negra disse...

A Europa ficar-nos-á eternamente agradecida por esta grande ideia! Um novo imposto!? Eles são mais, pagarão mais, nós somos menos mas, como mais pobres, podemos gastar mais! Será assim que pensam estes idiotas?!
Da foto retenho a pose dos padrinhos e o tamanho da noiva. Chama-se Vitorina, não é?
Um abraço livre de impostos

Zorze disse...

Mariazinha,

Concordo.
Quanto à foto, o Toino Vitorino é ridículo. O "picollo falante". Ainda por cima é xuxa.

Beijos,
Zorze

Isabel Pedrosa Pires disse...

Olá Amiga
Vai ao meu blogue que tens lá uma "magia violeta" para ti.
Beijinhos

Compadre Alentejano disse...

Há por aí gente melhor do que esta...
Um abraço
Compadre Alentejano

os moços da azambuja disse...

Interessante ver estes 4, tipo cavaleiros do apocaliplse... Irmãos fraternos, na sua missão maçónica? Ah... que disparate, são todos bons rapazes. O "pequeno" tuga apela ao tema introduzido por Mario Soares... o grão-mestre do GOL? Não, deve ser outra sociedade secreta... a verificar. Todos do clube bilderberg, ou não? Que grande esquema está ser ultimado para nos sobrecarregar mais uma vez. E lá vamos nós carregando os fardos para o topo da piramide.