Vamos

quinta-feira, novembro 13, 2008

Viver em Cascais



A Madalena é uma mulher de 65 anos que toda a vida trabalhou como empregada de limpeza de um hotel de Cascais. Tem tido uma vida cheia de sacríficios para criar sozinha um filho e um sobrinho deficiêntes. Apesar de já estar reformada, teve que continuar a trabalhar, pois a reforma não lhe chega para viver.
Há dias teve uma "surpresa" chegou uma carta dos serviços de urbanismo da camara de Cascais
onde a informavam que a sua renda social passava de 40€ para 200€ !!!
Isto é uma afronta a uma mulher que tenta por todos os meios dar uma vida digna aos seus.

Tem coragem Madalena os teus colegas estão cá para te ajudar, já que o teu país sempre teve ausente para ti.

5 comentários:

Pata Negra disse...

De facto, talvez a renda justa sejam os 200 euros! Injusto é que, provavelmente, o rendimento do seu trabalho fique aquém de 200 euros!
Solução de recurso: ajuda solidária.
Solução com futuro: correr com a corja xuxalista
Um abraço de quem vive no meio

Sifrónio disse...

Aqui está a prova de que o "poder" não cumpre a lei. Exemplos destes, há-os a rodos por esse país fora. Veja-se o caso da abolição do aluguer do contador da água: as empresas municipais responderam com outra taxa no mínimo três vezes superior ao aluguer. E o IRAR diz que é legal. O facto é que há pequenos estados (quintas)dentro do Estado que agem a seu bel prazer sem haver regulação da parte do Governo. As rendas das casas para 2009 aumentam 2,8% (coeficiente 1,028), logo, a Câmara Municipal de Cascais não cumpre a lei.
Um abraço.

O Pinoka disse...

Infelizmente não é a única. E o que mais assusta é que augura que cada vez haverá mais.
Beijocas e bom fim de semana.

ferroadas disse...

Entretanto à vereadoras da Camara de Lisboa a pagar 150€ de renda por uma casa na baixa. Realmente vivemos num mundo injusto.

BJS

Miguel disse...

Se não for a ajuda e a solidariedade social, existe pessoas que não conseguiriam
Sobreviver neste pais …!

BOM FDS!
Bjks da M&M & Cª!