Vamos

domingo, agosto 24, 2008

Vida Malvada





Carissimos
Estando eu cheia de trabalho não quero de maneira nenhuma deixar o meu "mariazinha" desprezado!
Nesta altura em que tudo vai de mal a pior cá na terrinha, já nem sei o que hei-de dizer pensar ou fazer.
Sinto que estou a precisar de férias, descansar a sério. E depois só preciso de:

Adeus vida atinada
Dos horários e das bichas
E das gripes do inverno
E do suor do verão
Adeus vida atinada
Adeus às práias
Cheias de gente
E um beijo p`ra quem fica
Adeus vida atinada
Ter de dormir sete horas por dia
Ir para o trabalho e ainda é de noite
Sempre o mesmo a todas as horas
Adeus vida atinada
Das mil maneiras de passar fome
Adeus às práias
Cheias de gente
E um beijo p`ra quem fica
Mudar de roupa, saldar o cabelo
Dormir no carro, todo nu em pelo
Dizer que hoje o dia está perfeito
Pôr óculos de sol a torto e a direito
Pois hoje vou pegar na guitarra
É hoje que eu me faço à estrada
Olá ó vida malvada
Escorrega e desliza
Nessa estrada de vento
Sempre, sempre, sempre
Adeus às práias
Cheias de gente
E um beijo p`ra quem fica
" Xutos "

10 comentários:

Emília disse...

Ahh, que agradável regresso!!!Obrigada pela visita e pelas que, espero, se seguirão.O meu canto andou um tanto mal alimentado, por sobreposição de prioridades. Agora vai melhorar(talvez...) porque pedi a aposentação, depois de 37 anos no ensino :-)))
Bjinhos e boas férias, Mariazinha. Quem me dera tê-las, a sério...

Zorze disse...

Parece que alguém vai de férias, que inveja !
Concordo contigo, estamos fartos desta vida robotizada e cronometrada.
Olha um dia isto rebenta e depois é que vão ser elas.

Beijos e se for caso disso Boas Férias,
Zorze

Paulo Vilmar disse...

Mariazinha!
Férias é, então, o que te desejo (mas não do Blog!).
Beijos

Miguel disse...

Boa escolha musical ...!

Um Conselho: FÈRIAS!

Bjks da M&M & Cª!

Jorge Borges disse...

Cara Mariazinha,

A vontade é mesmo de fugir. Esquecer, em distantes paragens, ainda que em sonho, a triste, tristíssima, realidade com que estamos confrontados.
Pelo meu lado, tento fugir, mas a revolta moi-me e não consigo abstrair-me.

Um abraço solidário

RV disse...

Olá Mariazinha. Raios partam o trabalho que nos come o tempinho todo :) O Fliscorno também se anda a queixar do mesmo. Vêmo-nos lá na festa ;-)

ferroadas disse...

Olá amiga

Descanso, muito descanso, por vezes uma semanita chega.

BJS

Pata Negra disse...

Por muito chateada que estejas não me enganas: tu não és aquela "inervada" da imagem. Vai de férias e manda lixar o trabalho!
Um abraço da província

Kaotica disse...

Olá Mariazinha

Ai que saudades da vida malvada, já lá vai o tempo (lembro-me sempre das férias dos tempos em que acampava ao pé do rio em Odeceixe e olha que vi por lá o Tim várias vezes, deve ser aí que se inspiraram para essa música!).
Aproveita bem para descansar um pouco porque o ano que aí vem vai precisar das energias de todos nós para berrar contra o sistema.

Um abraço

C Valente disse...

saudações amigas, sempre